Secretaria Municipal de Assistência Social e Direitos Humanos - SMASDH
Casa de Convivência Carmen Miranda, na Penha, comemora sete anos de funcionamento

08/12/2017 15:09:00  » Autor: Flávia Duarte


Aos 84 anos, Djalma de Barcelos descobriu que tem talento para as artes e comemora uma mudança de vida. Ele era barbeiro quando foi diagnosticado com Mal de Parkinson, doença que o impossibilitava que exercesse a profissão. Viúvo, estava deprimido em casa, até conhecer o trabalho da Casa de Convivência Carmem Miranda. 
 
Foi lá que ele se encantou com as pintura em vinil, feitas pelo funcionário do projeto Ricardo Pires. Mesmo com as mãos trêmulas, logo quis aprender. Não demorou para que seu Djalma dominasse a técnica. Mas o que surpreendeu foi que em pouco tempo, ele recobrou o controle motor e hoje até comercializa suas pinturas. 
 
A casa Carmem Miranda é uma família para nós. Eles mudaram a minha vida – conta.
 
 
Na sexta-feira, quase 200 pessoas se reuniram no salão do Santuário de Nossa Senhora da Penha para a confraternização de aniversário de sete anos da casa, que atende a idosos da região. Animados, eles lotaram a pista de dança e se soltaram ao som dos hits do momento. Diariamente, a unidade atende a cerca de 40 homens e mulheres da melhor idade, em atividades físicas aeróbias, pilates, dança, confecção de artesanato e – acima de tudo – boa companhia. Por estar instalada dentro de uma Clínica da Família, ela facilita o acompanhamento de saúde necessário a essa fase da vida.
 
Oferecemos café da manhã e lanche. Mas muitos vão até lá preparam almoço para aproveitar ainda mais a companhia dos amigos, conta o diretor Adriano Ferreira.
 
A Casa de Convivência Carmem Miranda fica na Avenida Nossa Senhora da Penha, 42 – Penha.
 

Imagens relacionadas:


» 441-2







» 434







» 394








Serviços Serviços