SISTEMA DE MONITORAMENTO DE GASES DO EFEITO ESTUFA

26/01/2010

(em elaboração)



Com o objetivo de atingir as metas de redução das emissões de gases do efeito estufa estabelecidas pela Lei de Mudanças Climáticas, a Prefeitura precisará monitorar e medir as emissões evitadas a partir de cada medida de mitigação implementada, com base no ano de 2005, e compará-las com as emissões esperadas pelo cenário referencial de linha de base (Business as Usual).

 

A Prefeitura, com apoio do Banco Mundial, está atualmente trabalhando na implantação do seu Sistema de Monitoramento de Emissões de Gases do Efeito Estufa, que envolve as melhores práticas internacionais de monitoramento, e objetiva prover à cidade o conhecimento do processo, baseado numa performance atual de cidades ao redor do mundo, em como colocar em prática precisa, confiável e permanente o Sistema de Monitoramento de Emissões de Gases de Efeito Estufa.

 

Outro ponto importante é que essa estratégia será comparável com as que estão sendo usadas nas mais importantes cidades ao redor do mundo, e então gerará dados consistentes, precisos e comparáveis entre as cidades.

 

Em paralelo, a Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro está submetendo a migração de seu inventário de emissões de GEE para um formato padronizado e internacionalizado. O padrão usado para desenvolver este inventário reflete a melhor prática internacional com o input da COPPE/UFRJ, WRI e Banco Mundial.






56_INSTANCE_8hQF 56_INSTANCE_8hQF p_p_id_56_INSTANCE_8hQF_
Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro - Sede: Rua Afonso Cavalcanti, 455 - Cidade Nova - 20211-110