Secretaria Municipal de Meio Ambiente - SMAC
Rio Capital Bicicleta

Incentivo a transporte não poluente


04/05/2010 11:48:00  » Autor: Comunicação Social


RioCapital Urbana da Mobilidade por Bicicleta
 
 
A Cidade do Rio de Janeiro reconhecida mundialmente pelas belas paisagens é hoje uma metrópole que se desenvolve de forma mais sustentável, investindo no desenvolvimento urbano de forma responsável, onde as políticas públicas respeitam a preservação do meio ambiente.
 
Criada logo após a ECO 92, o principal evento ambiental do século XX, a Secretaria Municipal de Meio Ambiente - SMAC reafirma a importância do desenvolvimento sustentável através da sua missão de traçar a política ambiental da cidade.
 
Com o engajamento dos servidores, em um processo contínuo e participativo dos cariocas, e da iniciativa privada, a secretaria desenvolve diversas ações, importantes para a manutenção do ecossistema. Dentro desta visão a bicicleta assumiu uma posição de destaque na atual gestão. Anteriormente usada como forma de lazer, os investimentos se concentravam nas avenidas beira mar e nos parques urbanos, muito frequentados nos finais de semana.
 
Pensando a mobilidade urbana da cidade e em alternativas de transporte, a Prefeitura do Rio esta implantando os BRT's, BRS's e contribuindo para o aumento das linhas de Metrô. A bicicleta também passou a fazer parte deste movimento de modernização como um modal de transporte para curtas distâncias, servindo como alimentador das redes de transporte de massa. E por ser 100% não poluente também contribui para uma significativa redução nas emissões de gases do efeito estufa. Os gases poluentes emitidos pelo transito somam 77%, na região metropolitana.
  
Neste sentido em quatro anos a malha cicloviária passou de 150 km (2009) de lazer para os atuais 438,9 km - Centro: 5,92 km; Zona Sul: 132,55 km; Zona Norte: 60,53 km e Zona Oeste: 239,9 km de rotas cicláveis. A estimativa é alcançarmos 450 km até 2016, distribuídos em todas as regiões do Rio. Possibilitando que o ciclista saia de casa pedalando, ou alugue uma bicicleta, estacione em um dos inúmeros bicicletários disponíveis nos BRT'S, Metrô, rodoviárias, trens e barcas, e siga o seu trajeto em um transporte coletivo, evitando assim o uso do carro. 
 
São registradas mais de 1,5 milhão de viagens dia no Rio, tanto para pequenos deslocamentos como para o uso por parte do comércio na realização de entregas domiciliares e prestações de serviço.  Outro ponto importante foi a implantação do Bike Rio, sistema de aluguel de bicicletas que se estenderá por todos os bairros da Cidade.
 
Para incentivar o uso da bicicleta várias campanhas de educação e conscientização são implementadas, eventos como o Dia Mundial Sem Carro, são amplamente divulgados com a adesão dos cariocas. Este crescimento da frota que hoje representa 5% do total dos meios de transporte também passa pela educação no trânsito. Ações educativas não só para os motoristas, como para os ciclistas e pedestres são realizadas constantemente, observando o cumprimento das leis de trânsito buscando não só incentivar, como também oferecer maior segurança.
 
Todo este trabalho garantiu ao Rio o título de Capital Latino Americana da Mobilidade Urbana por Bicicleta. O Rio é hoje uma Cidade verdadeiramente à caminho da Sustentabilidade.



Serviços Serviços