FORMAÇÃO CULTURAL E SOCIAL: IMPORTANTE EM TODOS OS MOMENTOS

06/08/2020 16:46:00


Hoje, a Gerência de Fomento à Pesquisa e Avaliação Externa (GFPAE/EPF) vem propor um momento de formação cultural para os nossos docentes e alunos. Kramer (2000, apud Resinentti, 2017) defende que a experiência com a produção cultural contribui na formação de crianças, jovens e adultos, pois pode resgatar trajetórias e relatos, provocar a discussão de valores, crenças e a reflexão crítica da cultura que produzimos e que nos produz, suscitar o repensar do sentido da vida, da sociedade contemporânea e, nela, do papel de cada um. Assim, os alunos podem aprender com a cultura e com a arte para que todos tenham acesso aos conhecimentos produzidos, favorecendo a construção da identidade e de valores, além de propiciar a capacidade de narrar as experiências vividas.

Cazelli (2005) apresenta em sua pesquisa o quanto, para os alunos pertencentes à rede municipal, a escola é um contexto fundamental não só para promover o acesso, mas para garantir um maior número de museus visitados.

Cazelli (2010, apud Resinentti, 2017) identifica o quanto a cidade do Rio de Janeiro, apesar de ser um dos mais importantes centros culturais do Brasil, não fornece acesso à cultura de maneira equânime para seus habitantes. Os museus, centros culturais, teatros, cinemas e bibliotecas estão quase todos localizados em poucas áreas da cidade, como Centro, São Cristóvão, Zona Sul, Tijuca, Vila Isabel e Barra.

Pensando nisso, como podemos encurtar as distâncias físicas e proporcionar essa experiência aos nossos alunos, levando em consideração o também fechamento dos museus e centros culturais devido a pandemia por COVID-19?

Sugerimos, então, um tour virtual por dois museus cariocas que se reinventaram e disponibilizaram duas importantes exposições que levam ao despertar da curiosidade dos nossos alunos e do interesse em conhecer a História da humanidade incentivando, assim, a aprendizagem a partir da investigação.

Museu do Amanhã: Apresenta a exposição virtual “PraTodoMundo”, com questionamentos sobre como será a alimentação da humanidade no ano de 2050. Muitas pessoas só conhecem a parte de fora do museu com a Arquitetura Santiago Calatrava . Mas, após o período de isolamento social, vale a pena conferir por dentro o tema Sustentabilidade e Futuro. 

Centro Cultural do Banco do Brasil (CCBB) – “Egito Antigo: do Cotidiano à Eternidade” . Em formato virtual e com áudio explicativo sobre toda a exposição que esteve disponível nos salões do museu nos primeiros meses de 2020.

Outra dica interessante é o projeto ERA VIRTUAL. Visando a ampla divulgação e promoção do patrimônio cultural brasileiro desde 2008, é possível realizar visitações virtuais a museus brasileiros e seus acervos. Este projeto, assim como outros, é o resultado da percepção de que nesta nova era da tecnologia das informações é essencial inovar, rever e reconstruir o modo de promover a cultura. 

Além desses, outros museus do Brasil e por todo o mundo estão disponíveis em formato virtual para que possam ser conhecidos e entrar no planejamento de uma futura visita presencial. 




56_INSTANCE_qk3I 56_INSTANCE_qk3I p_p_id_56_INSTANCE_qk3I_


Todas as Notícias

Mostrando 1 - 4 de 214 resultados.
Itens por página 4
de 54
Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro - Sede: Rua Afonso Cavalcanti, 455 - Cidade Nova - 20211-110