Diário Oficial do Município do Rio de Janeiro

Crivella promete transformar lixão de Acari em área de lazer

08/08/2017 14:22:00  » Autor: Foto: Edvaldo Reis


O prefeito Marcelo Crivella teve uma manhã cheia de compromissos nesta terça-feira (08/08). Após visita ao Hospital Municipal Ronaldo Gazolla, em Acari, na Zona Norte, ele foi até o final da Rua Guaiuba, no mesmo bairro, conferir uma área que virou um lixão, com esgoto a céu aberto. Incomodado com a situação e diante da reivindicação dos moradores, o prefeito decidiu que o local vai ser transformado numa área de lazer. 

 

- A prefeitura está assumindo um compromisso com o pessoal de Acari de transformar esse lixão numa praça. Vamos canalizar esse esgoto que está atraindo urubus, e as pessoas ainda vêm jogar lixo aqui. Isso é um polo irradiador de doenças, agora vai ser de saúde. Vai ser uma linda praça - garantiu Crivella, que logo em seguida visitou a Creche Escola Comunitária Tio Patinhas, que atende a 75 crianças, de 2 a 3 anos.

 

A prefeitura vai fazer uma limpeza completa na área de cerca de 7.200 metros quadrados, além da drenagem do canal que passa junto ao lixão. No local será construída uma praça com quadra poliesportiva, brinquedos e um campo de futebol.

 

- Esse lixão é um acinte à cidadania. O prefeito determinou que a gente resolva essa situação. Essa área insalubre e degradada vai ser transformada numa bela área de convivência e lazer - disse o secretário municipal de Conservação e Meio Ambiente, Rubens Teixeira, que acrescentou ainda que, ao lado da área revitalizada, será instalado um ponto de coleta seletiva de lixo.


 

Depois de Acari, o prefeito seguiu para a Ilha do Governador, onde acompanhou as obras de contenção de encosta na Estrada do Rio Jequiá. De acordo com o secretário municipal de Urbanismo, Infraestrutura e Habitação, Indio da Costa, o trabalho estará concluído em dezembro.

Em seguida, Crivella participou da inauguração da pequena ponte de acesso à comunidade dos Bancários. Além da canalização do valão, houve a pavimentação do trecho com massa asfáltica.

 

- Quando viemos aqui com o prefeito, há dois meses, as pessoas não conseguiam passar de um lado para outro. Agora, elas não precisam dar uma volta muito grande para atravessar o valão. A Ilha precisa de atenção e respeito - disse Indio da Costa.




Serviços Serviços