Diário Oficial do Município do Rio de Janeiro


Saúde estabelece metas de gestão e terá rede ampliada

02/01/2017 18:57:00


O novo secretário municipal de Saúde, Carlos Eduardo de Mattos, estabeleceu metas de gestão para cumprir as promessas feitas pelo prefeito do Rio, Marcelo Crivella, durante sua campanha. A Saúde receberá investimentos e deverá ter sua rede de atenção ampliada com a municipalização de 16 unidades de Pronto Atendimento (UPAs), hoje administradas pelo governo estadual, até 2018. Uma comissão especial vai estudar as medidas necessárias para a incorporação das unidades à rede. As novas medidas foram publicadas em Diário Oficial e já estão em vigor.
 

Outro projeto considerado prioridade da nova gestão visa aumentar em 20% o número dos leitos nas unidades de saúde. Além do aumento da oferta de vagas, a SMS também vai reforçar o atendimento por especialistas com a contratação de ginecologistas e pediatras para trabalhar nas clínicas da família, medida que já está sendo avaliada pelas áreas técnicas da secretaria.


Seguindo as determinações do novo prefeito, o secretário Carlos Eduardo de Mattos também vai determinar a realização de uma auditoria sobre o critério de seleção das organizações sociais que atuam na administração de unidades de saúde, planejar a implantação de policlínicas e intensificar as ações de redução das filas de pacientes à espera de atendimento por especialistas, de exames e cirurgias. O prazo para que o plano esteja pronto é de 30 dias.


Preocupação das autoridades com a chegada do verão e o aumento de chuvas na cidade, a SMS também vai aumentar os esforços empregados no combate ao mosquito Aedes aegypti. Desde domingo, um decreto institui um estado de alerta na cidade contra a dengue, a zika e a chikungunya.

 

Além disso, outro plano do novo secretário é melhorar as realizações da gestão anterior, com a construção de novas unidades de atenção básica de saúde. Carlos Eduardo, no entanto, ressalta que, antes, é preciso fazer com que as que já existem funcionem de maneira eficiente.

 

Médico servidor concursado da rede municipal de Saúde há 23 anos, Carlos Eduardo de Mattos é vereador reeleito para o quarto mandato consecutivo. O novo secretário tem mestrado e doutorado em cardiologia pela UFRJ e foi presidente e decano da Comissão de Saúde da Câmara Municipal. Dirigiu o serviço de emergência do Hospital Municipal Miguel Couto e é também coronel médico do Grupo de Socorro de Emergência (GSE) do Corpo de Bombeiros do Estado do Rio de Janeiro. Entrou para a política aos 40 anos, quando foi eleito para seu primeiro mandato de vereador, no ano de 2004, com a bandeira da saúde.


Imagens relacionadas:


» 1





















» 4








Serviços Serviços