Programa literário da SME inspira aluna a inaugurar biblioteca em comunidade de Copacabana

27/01/2020 16:08:00


Raissa Luara de Oliveira, ou simplesmente Lua, é uma empreendedora nata. Apesar de ter apenas 12 anos, a menina que acabou de concluir o 6º ano do ensino fundamental da Escola Municipal Alencastro Guimarães, em Copacabana, é do tipo que corre atrás das coisas que acredita. Após visitar a Bienal do Livro no ano passado, em passeio organizado pela Secretaria Municipal de Educação do Rio, Lua se sentiu motivada a construir uma biblioteca gratuita para oferecer aos amigos e vizinhos da Ladeira dos Tabajaras – comunidade onde mora em Copacabana – a mesma oportunidade de viajar através das páginas dos livros e desfrutar da mesma alegria que sentia. Desta forma, foi criada a biblioteca Mundo da Lua há cerca de três meses. Tudo porque Lua não se conformou de ver que algumas crianças tinham vontade de ler exemplares vendidos na Bienal, mas não tinham condições de comprá-los.

Para dar início ao projeto, Lua foi ousada. Pegou o celular da mãe e mandou uma mensagem para a vice-presidente da associação de moradores da comunidade em que mora, Vânia Ribeiro, pedindo um espaço na Associação de Moradores para que pudesse montar sua biblioteca. A resposta foi positiva desde que a menina cuidasse do projeto. Fátima Oliveira, mãe de Lua, assim que soube da novidade, topou ajudar e disse que não ficou surpresa com a atitude e espírito empreendedor da filha.

— Ela é uma criança que quando quer uma coisa ela corre atrás. Sempre foi assim, desde pequena. A cada dia que passa está mais determinada — conta Fátima, orgulhosa.

Lua fez um vídeo e colocou na internet pedindo doações para seu novo espaço. O vídeo fez sucesso e em pouco tempo seu sonho estava cada vez mais perto de se realizar. Foram doados 2 mil livros em 20 dias, além de alguns móveis e até computador. Por sorte, teve apoio de muitas pessoas, inclusive de seus professores, amigos e funcionários da escola municipal. Segundo ela, desde que começou com a biblioteca, seu rendimento escolar melhorou bastante, ficou conhecida de maneira positiva em seu colégio e ainda recebeu um incentivo especial de alguns professores.

— Minha escola recebeu de forma positiva o meu projeto. Fui estimulada, principalmente, pelos professores Carlos Eduardo, de Geografia e Carla, de português, que me presentearam com livros. Além deles, outros funcionários e alguns alunos fizeram comigo uma matéria para o blog da unidade escolar, para divulgar o projeto — disse Lua, que aguarda ansiosa pela visita de todos.

O que Lua não esperava era que fosse ser usada como inspiração para outras pessoas. Em novembro do ano passado, durante a 27ª edição da campanha Paixão de Ler, realizada pelas secretarias municipais de Educação, de Cultura e pela MultiRio, que homenageia figuras inspiradoras do universo literário carioca, lá estava Lua, recebendo um certificado entregue pela Secretária Municipal de Educação, Talma Romero Suane, em reconhecimento pela sua inciativa.

— Na premiação do evento eu encontrei outros alunos da rede municipal e descobri que muitos deles já me conheciam. Inclusive, muitos professores já haviam mencionado minha iniciativa em sala de aula. Fiquei muito surpresa quando soube disso — conta Lua, que recebeu muitas doações no evento para enriquecer sua biblioteca.

O mundo da Lua está cada vez maior. A biblioteca, inaugurada no último dia 19/10, já abriga mais de 18 mil livros, e em breve, o local terá oficinas de luta, música, teatro, corte e costura, entre outras programações culturais. Para o futuro, Lua quer transformar o espaço em um centro cultural, se tornar atriz e, é claro, continuar incentivando e levando leitura à comunidade. No mundo da Lua, não há limites para transformar os sonhos em realidade. 




56_INSTANCE_en5I 56_INSTANCE_en5I p_p_id_56_INSTANCE_en5I_


Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro - Sede: Rua Afonso Cavalcanti, 455 - Cidade Nova - 20211-110