O Programa Livres para Estudar é uma iniciativa da Prefeitura do Rio de Janeiro que visa o combate à pobreza menstrual, que causa a evasão escolar devido ao pouco acesso aos produtos que são essenciais na preservação da dignidade das meninas matriculadas nas Escolas Municipais da nossa cidade, durante o seus períodos menstruais.

 

Secretário Renan Ferreirinha sobre o projeto Livres para Estudar

 

A SME através do Núcleo dos Programas de Saúde Escolar - NPSE enviou orientações aos diretores das Unidades de Ensino que atendem meninas e moças na faixa etária atendida pelo Programa, sobre os procedimentos de distribuição dos absorventes, pois compreende que é de grande importância a conscientização das alunas com valores e conceitos para que suas convivências e espaços escolares sejam mais acolhedores, seguros e saudáveis.

A E.M. Nilo Peçanha, em parceria com a Clínica da Família Estivadores, promoveu ações de conscientização sobre saúde feminina e absorventes (direito, uso e descarte).

E.M. Nilo Peçanha - Palestra com a Clínica da Família sobre saúde do adolescente e pobreza menstrual

 

A Escola Municipal Carneiro Ribeiro promoveu debates e registro escrito de suas opiniões sobre a distribuição dos absorventes, além de um grande cartaz coletivo.

 

E.M. Carneiro Ribeiro - Confecção cartaz coletivo 

 

As Unidades Escolares realizaram fartos registros fotográficos da ocasião das ações educativas e da distribuição dos absorventes como a E.M. Odilon de Andrade que realizou uma parceria com as alunas do Grêmio escolar e duas representantes de turmas. 

 

E.M. Odilon de Andrade - Momento importante de informação e acolhida entre as alunas

 

 

Alunas realizando atividades de conscientização. Destaque para a foto do Secretário Renan Ferreirinha e a Secretária Joyce Andrade da Secretaria Especial de Políticas de Promoção da Mulher na E.M. Dorcelina Gomes da Costa

 

Absorvente higiênico embrulhada para entrega e caixinha de perguntas
para a roda de conversa com as alunas na E.M. Dep. José Carlos 

 

O "Livres para Estudar" conta com a parceria do Tribunal de Justiça, da Comissão da Mulher da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) e dos grupos Girl Up e Elas na Escola.

 

Enviado por: Núcleo dos Programas de Saúde Escolar - E/SUBAIR/CAGE/GPE/PSE



Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro - Sede: Rua Afonso Cavalcanti, 455 - Cidade Nova - 20211-110