Diário Oficial do Município do Rio de Janeiro

 

 


 

Guarda Municipal forma primeira turma de programa social de panificação e confeitaria

11/09/2018 18:31:00


A Prefeitura do Rio realizou, nesta terça-feira (11/09), a formatura de 43 alunos aprovados na primeira turma do "Alunos de Talento, Estrela da Manhã", programa social que oferece cursos gratuitos de panificação e confeitaria para familiares de guardas municipais e moradores de diversas comunidades, como Rocinha, Jacarezinho e Mangueira. O projeto é fruto de parceria da Guarda Municipal do Rio com a Associação Beneficente dos Industriais de Panificação e Confeitaria do Rio de Janeiro (Abipan).

 

 

A solenidade aconteceu na sede da Guarda Municipal, em São Cristóvão, onde também foram realizados os cursos, e contou com a presença do secrátario de Ordem Pública, Paulo Amendola; da comandante da GM-Rio, inspetora geral Tatiana Mendes; e do presidente em exercício da Abipan, Carlos Pinho.

 

"A principal função da Guarda Municipal é servir aos cariocas. Foi por causa dessa vocação que abraçamos esse projeto e abrimos as nossas portas para beneficiar a população. E hoje já estamos vendo os frutos dessa parceria, que não só agrega o valor financeiro que virá da profissionalização, mas também o valor do trabalho, da conquista de cada um dos formandos que se esforçaram para obter seus certificados", destacou a inspetora geral Tatiana Mendes.

 

Já o secretário Paulo Amendola destacou a solidariedade das duas instituições parceiras em oferecer curso de alta qualidade totalmente gratuito:

 

"A nossa cidade enfrenta muitos desafios, principalmente na segurança pública, mas também temos iniciativas positivas, como essa da Guarda e da Abipan, que estão engajadas em ações que promovem mudança social e ajudam a melhorar a vida das pessoas e a nossa cidade".

 

Os formandos foram qualificados em auxiliar de panificação e auxiliar de confeitaria e confeitaria artística. Do total de alunos, 36 já conseguiram inserção profissional ou já estão dando os primeiros passos para empreender, seja confeccionando produtos para a venda em casa e até na abertura de buffet.

 

 

Dois exemplos são os de Kalebe Eloy, de 18 anos, e Maria Cleia Gomes, de 37 anos. O jovem é filho do líder operacional da GM-Rio Aluízio Eloy e conquistou o primeiro emprego em uma empresa parceria do programa após passar pelo curso. Ele conta que já tinha interesse na área de gastronomia e por isso se inscreveu no curso de panificação.

 

"O curso me possibilitou conhecer coisas que nem sabia que existiam na área e me fez querer seguir em frente na carreira", disse.

 

Já Maria Cleia, moradora da Barreira do Vasco, também formanda da panificação conta que já fazia bolos e doces em casa, mas que o curso ampliou os horizontes dela, trouxe a profissionalização e também a oportunidade de emprego.

 

"Eu era uma pessoa que fazia as coisas em casa e hoje sou uma profissional que trabalha em casa", destacou. Além de ter passado a produzir pães, salgados e outros tipos de produtos além dos bolos, Cleia também participa de processo seletivo para vaga em uma confeitaria que fica no bairro de Copacabana.

 

A próxima turma já terá início nesta quarta-feira (12) e contará com cinco alunos do abrigo Plínio Marcos, localizado em São Cristóvão e administrado pela Secretaria Municipal de Assistência Social e Direitos Humanos (SMASDH), com o objetivo de ampliar ainda mais o alcance social do projeto. As demais vagas serão preenchidas por meio de cadastro de reserva.

 

O programa "Alunos de Talento, Estrela da Manhã" é voltado para quem precisa e busca oportunidade de emprego. A capacitação diferenciada é realizada na própria sede da GM-Rio, na Avenida Pedro II, 111, em São Cristóvão, com as aulas acontecendo no espaço que durante anos abrigou o refeitório da tropa. Os cursos de panificação, confeitaria, confeitaria artística têm duração de dois a quatro meses e são conduzidos por 16 renomados chefs.

 

A iniciativa proporciona ainda a integração e a troca de experiências entre as famílias dos guardas e a comunidade. A idade mínima para participação no projeto é partir de 16 anos e as inscrições são feitas pela Abipan e também na Guarda Municipal, para os familiares dos guardas. 


Imagens relacionadas:










Serviços Serviços