Guarda Municipal do Rio de Janeiro - GM-Rio
Operação Verão: Guardas municipais realizaram três prisões e multam mais de 300 veículos

22/10/2019 08:50:00


Equipes da Guarda Municipal do Rio (GM-Rio) que estão atuando na Operação Verão durante o feriado prolongado, dos dias 12 a 15 de outubro, realizaram duas prisões por furto, em Copacabana e Ipanema, e também detiveram um pichador, flagrado pichando uma pedra natural na Praia de Grumari, que faz parte de uma área de proteção ambiental do município. As prisões foram feitas nos dias 13 e 14, por guardas dos Grupamentos Tático Móvel (GTM) e de Guardas Motociclistas (GGM) e os acusados foram conduzidos para as delegacias das regiões. Ainda no sábado, dia 14, guardas do Grupamento Especial de Praia (GEP) encontraram o corpo de um homem negro, na Praia da Barra da Tijuca, na Altura da Av. Ayrton Senna. A equipe foi acionada por um cidadão que passava pelo local e desconfiou tratar-se de um corpo. Após a constatação, os guardas acionaram os órgãos responsáveis pela remoção.


 Nas ações de trânsito, foram aplicadas 383 multas para diversos flagrantes de irregularidades na orla das Zonas Sul e Oeste e em pontos de grande movimentação neste período, como a Cachoeira do Horto, a Vista Chinesa e o Parque dos Patins.
Em relação a fiscalização das posturas municipais, as equipes do GEP, que atuam na faixa de areia orientando banhistas quanto às regras de convivência, retiraram 140 cães da areia, coibiram 19 práticas esportivas em local e horário proibido e desfizeram quatro campings. Os guardas também ajudaram 36 crianças perdidas a reencontrarem os responsáveis e fizeram a distribuição de 198 pulseiras de identificação, ação preventiva para facilitar a localização de crianças. Ainda durante as ações de patrulhamento e fiscalização, os guardas municipais orientaram ambulantes para desobstrução do espaço público. Em casos de desobediência foi efetuada a retenção dos produtos. Nos quatro dias da operação, foram apreendidos uma barraca de churrasco, além de seis churrasqueiras e um fogareiro. Os guardas ainda apreenderam 30 chaveiros, uma faixa de propaganda que estava fixada em uma árvore e três facas.


Iniciada no dia 30 de setembro para promover ações de ordenamento urbano e de trânsito e coibir pequenos delitos, a operação conta com emprego de 381 guardas municipais, sendo 59 empregados exclusivamente em ações de trânsito, e está dando continuidade ao Plano de Prevenção Contra Pequenos Delitos e Arrastões nas Praias, elaborado pela Secretaria Municipal de Ordem Pública (Seop) no início do ano, agindo de forma integrada com a Polícia Militar e as secretarias municipais de Assistência Social e Direitos Humanos (SMASDH) e de Transportes (SMTR), com ações preventivas que visam proporcionar maior sensação de segurança aos banhistas. A Guarda Municipal também reforçou o patrulhamento nos Parques Madureira e Radical de Deodoro. A operação deste ano está repetindo a integração com a Polícia Militar por meio de radiocomunicação operando na mesma frequência. Além disso, os efetivos contam com o suporte do Núcleo de Videopatrulhamento da GM-Rio, que utiliza 80 câmeras do Centro de Operações Rio (COR), redirecionadas para reproduzir imagens do calçadão e da faixa de areia. Flagrantes de crimes são enviados para as equipes que atuam na orla e cedidas à Polícia Civil, para auxiliar no registro de ocorrências nas delegacias.


Outras ações na cidade - No sábado, dia 14, guardas que atuam na fiscalização do VLT prenderam homem com mandado de prisão em aberto. Ele foi conduzido para a 5ª DP (Centro) após ter sido flagrado tentando agredir uma funcionária da concessionária, na estação Cinelândia. Na delegacia, verificou-se que havia o mandado de prisão em aberto e ele ficou detido.
 


Imagens relacionadas: