Companhia Municipal de Limpeza Urbana – COMLURB
Galpão das Artes inaugura duas novas exposições: Galeria de Ideais e Marcas na Natureza

07/03/2017 13:13:00


Duas exposições inusitadas serão inauguradas nesta quinta-feira, 9 de março,  às 19h, no Galpão das Artes Urbanas/Comlurb. A primeira, Galeria de Ideais, apresentará trabalhos artísticos desenvolvidos durante um ano, como atividade terapêutica, pelo grupo atendido pela Dra. Paula Fabrício, do Centro de Saúde Píndaro de Carvalho Rodrigues, na Gávea, em parceria com o GAU. A segunda, Marcas na Natureza, mostrará obras feitas com objetos e materiais diversos que o artista Elieser Borba garimpa na areia das praias do Rio.
 
 

Galeria de Ideais

Na exposição Galeria de Ideais, que  tem o apoio do Sistema Único de Saúde, serão mostrados trabalhos de pintura, cerâmica, máscaras de gesso criadas livremente ou com orientação oferecida nas  oficinas realizadas durante o ano.
 
A mostra faz parte do projeto Galeria de Ideais / colaboração artística, idealizado pela psiquiatra Paula Fabrício e pelo cineasta Renato de Paula, em parceria com o Galpão das Artes, que teve início em outubro de 2015. Convivência e criação artística são os instrumentos utilizados para proporcionar bem-estar, cuidados e inserção social, buscando promover a saúde mental dos participantes, de acordo com os preceitos da psiquiatra Nise da Silveira.
 
As oficinas, realizadas às sextas-feiras, no Galpão das Artes, são gratuitas e abertas, tanto para pacientes que recebem atendimento psicológico e psiquiátrico na rede pública e particular de saúde, como para qualquer pessoa interessada. Saúde mental, colaboração, ajuda mútua, acolhimento, compartilhamento e criação artística são os objetivos do projeto.
 
As atividades desenvolvidas no projeto podem ser visitadas no site da Galeria de Ideais colaboração artística.
 
 
 

Marcas na Natureza – Eliezer Borba

O que é esquecido nas areias da praia? Quanta coisa é perdida? Quanto lixo é deixado? O que fica para trás? Objetos cortantes, banais, ultrajantes ou de estimação, cicatrizes chocantes que nem mesmo o vento ou a intempérie do tempo simplesmente desfazem.
 
Na exposição Marcas na Natureza, Eliezer apresenta obras feitas com as peças que, há muitos anos, "garimpa" nas areias das praias, ao mesmo tempo em que busca preservar o meio ambiente e conscientizar as pessoas em relação ao descarte correto do lixo. Para o artista, "o lixo jogado em lugares indevidos acaba sendo uma questão de saúde pública, pois agride as águas, o solo, o ar e, como consequência, a saúde da população".
 
No começo, Eliezer, como os demais "rapineiros", garimpava com um ancinho adaptado para achar as peças de metal trazidas pelo mar, como anéis, correntes, moedas e outras. Atualmente, a maioria usa um moderno detector de metais e os garimpeiros começam a ser chamados de "detectoristas".  "Só de moedas, já achei mais de cinco mil" revela.
 
Elieser Borba, além de artista, é pesquisador, escritor e tem formação em Assistência Social. Na seção Beach combing treasures do seu blog, Borba mostra algumas criações feitas com os materiais encontrados.
 
 
 


Serviço:
Abertura 09 de março – das 19h às 22h
Visitação de 10 de março a 20 de maio de 2017
Horário – de segunda a sexta-feira, das 9h às 17h
Local – Galpão das Artes Urbanas Helio G. Pellegrino/Comlurb
Endereço – Rua Padre Leonel Franca s/n - Gávea (em frente ao Planetário)
Telefone / e-mail:  (21) 3890-4960 / galpaodasartes@gmail.com



Serviços Serviços